quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Este blog não morreu: nem ele, nem eu!

Bonitonas, 

eu sumi, eu sei. Sumi do blog e sumi de mim, vocês acreditam? Sei que é confuso, sei que é difícil de acreditar, mas, de repente, eu - sempre tão cheia de assuntos e opiniões - fiquei sem nada pra falar. 

E ai, acho que em boca fechada não entra mosca, né? E quem fala demais dá bom dia a cavalo...e resolvi ficar um pouco calada. Dei voltas pelo mundo (pela europa, já que estou morando por estas bandas, né?)

Sim, eu podia ter feito outra opção, ter começado a postar notícias do globo.com, que pipocam todos os dias sobre os casamentos bizarros do mundo...eu podia estar matando, roubando, votando no Tiririca, eu podia estar escrevendo sobre moda, roupas, maquiagens e pechinchas, essas coisas todas que povoam a maioria dos blogs que frequento (e adoro!), mas que, sinceramente, não me sinto segura o suficiente pra falar sobre.

Então, a gente combina que o blog voltou a ser da bonitona encalhada. Afinal, alguém conhece encalhamento maior do que esse: dois meses sem conseguir fazer a coisa que mais amo na vida - que é escrever?

Com o tempo passando, acabei ficando com uma vergonha mais crônica, não sei se vocês entendem. cada dia começou a ficar mais pesado pra mim, porque eu queria escrever, mas não conseguia e cada dia que passava eu sentia que o blog estava mais distante de mim, uma confusão danada! E ai, com essa tristeza que me tanto me apertava o peito, eu estava ouvindo meu Ipod e achei o Roberto, cantando a história dele:

Fui abrindo a porta devagar
Mas deixei a luz
Entrar primeiro
Todo meu passado iluminei
E entrei!...
Meu retrato ainda na parede
Meio amarelado pelo tempo
Como a perguntar
Por onde andei?
E eu falei!...
Onde andei!
Não deu para ficar
Porque aqui!
Aqui é meu lugar
Eu voltei!
Pr'as coisas que eu deixei
Eu voltei!...
Sem saber depois de tanto tempo
Se havia alguém a minha espera
Passos indecisos caminhei
E parei!...
Quando vi que dois braços abertos
Me abraçaram como antigamente
Tanto quis dizer e não falei
E chorei!...

Logo, acho que eu reencalhei. E fui me distanciando de um projeto - o blog - que só me trouxe coisas boas. Alegrias. Então pensei que, se a gente não põe as energias em movimento, a tendência acaba sendo ficar inerte pra sempre. E eu não quero ficar inerte. Eu quero desencalhar. De novo.


15 comentários:

Cat e Ju disse...

Ela voltou!!!!!!!!!!! Eba!!!!!!!!!!!!! Saudades dos teus textos :)

Shirley Yanez disse...

Oi querida! Coisa boa ter vc de volta! Volta sim. Mesmo que seja devagar, com textos menores. Talvez apenas frases. Mas não deixa de escrever, pq seus textos são únicos e a gente gosta muito. E se precisar de mais tempo, não tem problema, a gente te espera. Só não desiste, tá. Eu tenho um carinho enorme por vc. E olha que eu quase nem comento aqui, hein. Vc é muito querida. Um beijo enorme, Shirley Yanez

Shirley Yanez disse...

Oi querida! Coisa boa ter vc de volta! Volta sim. Mesmo que seja devagar, com textos menores. Talvez apenas frases. Mas não deixa de escrever, pq seus textos são únicos e a gente gosta muito. E se precisar de mais tempo, não tem problema, a gente te espera. Só não desiste, tá. Eu tenho um carinho enorme por vc. E olha que eu quase nem comento aqui, hein. Vc é muito querida. Um beijo enorme, Shirley Yanez

Alice Mânica disse...

Estava com saudades de você. Mas totalmente te entendo. O meu blog tb fica às vezes bem largadinho. E não é por falta do que falar! Mas muitas vezes acontece de as ideias virem na hora errada, tipo quando acordo de madrugada pra fazer xixi. Esses dias falei pra uma amiga que queria ter um pen drive que eu pudesse conectar ao meu cérebro, aí ele armazenava as ideias que eu tenho nas horas inconvenientes e depois era só copiá-las pro blog, pros emails e pros documentos do trabalho...
Enfim, quando vc quiser escrever, sobre qualquer coisa, estarei aqui esperando pra ler!!!

Ana disse...

Ah! Que saudade!!!!

Paula Valias disse...

A, e você fez tanta falta!
E o blog tá lindo!

Beijão

marinafavato disse...

Como eu tava com saudades de ler suas coisas!!!!!! Bem vinda de volta!!!! É bom dar um tempo as vezes né?! Beijo grande!!!!!!

Barbara disse...

Welcome back!
Sim, ainda há gente à sua espera! Se depender de mim, sempre haverá!
E no dia em que vc tiver sem assunto/inspiração, pode escrever sobre essas futilidades tb!
Bonitona encalhada tambem pode ser diversão sem compromisso de vez em quando... não se cobre tanto!
Bjos

Núbia Lucena disse...

Vc merece não só a felicidade do mundo como a sua própria felicidade...
Pq? Pq pessoa com o dom de iluminar onde passa nao pode esconder o brilho que um dia foi colocado ainda criança nesses olhos que reluzem paz e muito amor.
Um brilho que mesmo estando num local onde nao dao muito valor é necessario pra que a propria fonte de luz (vc) esteja reluzente por onde passar... (no corredor, no seu quarto, onde for).
Luz essa que necessita de um pouco de carinho, de atençao, de um abraço apertado que esta dificil de encontrar pq o que mais queria esta longe.
Mas sabe... aprendi com a perca da minha mae querida que muitos estao ao nosso redor necessitando desse abraço e muitos tem a nos dar, mesmo que nao seja a mesma coisa.. mas ja ajuda muito..
Talvez onde vc esteja tenha um lugar onde vc possa dar e receber esse amor que necessita de um pouquinho de bálsamo pra cicatrizar toda ferida, ou um vazio que um dia foi implantado por volta..
Uma criança... carequinha talvez por onde vc possa ter passado um dia te olhou com todo amor em que necessitava de algo sublime q é a sua luz que nunca se apagou nem vai apagar...

Desculpe se estou falando algo que nao goste, mas tenho um carinho imenso por vc, pois vc tem a sensibilidade do Espirito Santo, algo que comove a cada pessoa que esta ao seu redor.

Sua felicidade resplandece por onde passa mesmo sem que vc perceba.

É facil? Naaaaaaaaaao, mas vc é filha de um Deus que te ama demais e que nunca te deixa sozinha.

Continue iluminando o caminho de todos e seja essa menina-mulher cativante.

Um abraço!

Laura H disse...

Meninas, muito obrigada pelas palavras tão carinhosas! Muito, muito obrigada mesmo! Estava morrendo de saudades de vocês!

Anônimo disse...

Oi, bonitinha, falar o quê, se tudo já foi dito por suas fâs de várias maneiras tão lindas e emocionantes!
Adorei as fotos que mandou mas, com certeza, vc era mil vezes mais linda do que os castelos e paisagens enviados. Você arrasou! Mais bonita, impossível!
Beijos!!!!

Menina-Flor disse...

Huummm... que bom que bom que voltou.. pensei mesmo que o blog "já era".... muito bom te ler de novo...
Esta bonitona encalhada que vos escreve, ficou feliz.. rsrsrsrs
Bjos

Mente Inquieta disse...

Oi Bonitona! Que bom que voltou! Já estava com saudades...
Nesse sumiço seu acabei criando meu próprio blog e se puder passa lá: http://blogmenteinquieta.blogspot.com
Assim como você, já criei a minha própria teoria...
Bjos

Zé Cabudo disse...

Conheço outro nome bom para isso: férias.

E por ai vou... disse...

Parabéns! Blog tá mais lindo do que nunca!
Vc, como sempre, esbanjando palavras inteligentes e que encaixam nas nossas vidas como lego!
Bjos, Laura!
Letícia Salles